segunda-feira, 6 de abril de 2015

ViniItaly 2015, uma feira pra lá de sensacional!

O mês de março passou e deixou para trás um grande evento que ficou marcado para quem é apaixonado por vinhos. Nunca tinha ido presenciar uma feira do setor vinícolo, mas chegando a Verona e vendo a dimensão da viniItaly fiquei boquiaberto com sua dimensão, e não só isso, mas a organização foi ótima.
Deixando de lado como fiquei ao chegar à feira, vamos falar sobre ela, pra quem não sabe, a viniItaly é a maior feira do mundo no setor dos vinhos,  expositores de toda a Itália e do mundo, e na 49 edição da feira não faltou pequenos e grandes produtores que trouxeram seus vinhos e mostram porque os italianos são considerados um povo com vocação a cultura  vinícola. 
                                     
Tive a oportunidade de degustar vários vinhos de diversas regiões, abaixo vou descrever algumas cantinas e seus respectivos produtos que me deixaram muito animado por conta da qualidade.
   Fattoria Monte Fasolo: cantina localizada na micro região colli euganei, provincia de Padova na região veneto, degustei alguns de seus vinhos tintos muito bons, entre eles um merlot em pureza chamado la rochia, mesmo avendo passado só pelo tanque de inox, é muito bem estruturado, equilibrado entre acidez,corpo e sapidez.  Perfume intenso de frutas. 
Mas entre seus maravilhosos vinhos aquele que me deixou muito entusiasmado pela sua qualidade foi um espumante doce chamado fior di arancio, feito de moscato giallo fior di arancio,  muito agradável, ideal para acompanhar tortas e doces. Premiado pela revista internacional Decanter, em Hong-Kong venceu medalha de ouro na sua categoria.
Uma cantina piemontese que me surpreendeu foi a Montaribaldi, com barolos e barbarescos de altíssima qualidade, quem vai na zona de Barolo não pode deixar de visitar.   
Andando mais abaixo no sul da Itália degustei vinhos sensacionais da região Campania,  a cantina que me deixou muito entusiasmado com seus produtos foi a Cantine Astroni, seus vinhos brancos falanghina, greco di tufo, fiano di Avellino muito bons e com uma acentuada mineralidade prazerosa. O tinto piedirosso era muito equilibrado, ideal para pratos de carne. Maravilhoso também era o seu espumante feito com a uva falanghina, nunca tinha esperimentado, me surpreendeu. 
Em fim a feira foi maravilhosa e te faz conhecer bem o mercado vinícolo da italia, seus produtos e dá a oportunidade de quem trabalha com vinhos de conhecer vários produtores que te fornecem produtos de uma ótima qualidade e com preços muito interessantes, que no meu ponto de vista são ideais para o mercado brasileiro.
Até mais e saúde!










Nenhum comentário:

Postar um comentário